A Hora da Notícia

Alagoas registra mais 586 novos casos de Covid-19

Gif-728x90-Master
BANNER-ANUNCIO-AHORADANOTICIA-JAND (2)

DIVULGAÇÃO

Alagoas registrou mais 586 casos de Covid-19 e 18 mortes pela doença em 24 horas, conforme Boletim Epidemiológico divulgado neste sábado (22), pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). O estado já registrou 188.062 casos e 4.589 óbitos pela doença. Atualmente, 3.397 estão em isolamento domiciliar e outros 179.304 pacientes já finalizaram o período de isolamento, não apresentam mais sintomas e, portanto, estão recuperados da doença. Há, ainda, 15.360 casos em investigação laboratorial.

De acordo com o boletim, mais 18 mortes foram confirmadas, laboratorialmente, por causa do novo coronavírus, sendo oito vítimas da capital alagoana e dez do interior do Estado. As vítimas de Maceió eram seis homens de 48, 50, 66, 68, 72 e 74 anos, além de duas mulheres de 39 e 54 anos. O homem de 48 anos era diabético e morreu no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió; o homem de 50 anos era hipertenso e morreu na Santa Casa, em Maceió; o homem de 66 anos era diabético e morreu no Hospital Veredas, em Maceió; o homem de 68 anos não tinha comorbidades e morreu no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió; o homem de 72 anos era hipertenso, tinha câncer de próstata e morreu no Hospital Universitário (HU), em Maceió; o homem de 74 anos era hipertenso, diabético, tinha Parkinson e morreu na Santa Casa, em Maceió; a mulher de 39 anos não tinha comorbidades e morreu no Hospital Maceió, em Maceió; e a mulher de 54 anos era tabagista e morreu no Hospital da Mulher (HM), em Maceió.

Em relação às dez vítimas que residiam no interior do Estado, eram sete homens de 35, 53, 58, 63, 65, 66 e 86 anos, além de três mulheres de 46, 62 e 70 anos. O homem de 35 anos, morava em Craíbas, não tinha comorbidades e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 53 anos era de Arapiraca, tinha diabetes e morreu também no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 58 anos, era de Arapiraca, tinha diabetes e morreu no Hospital Chama, em Arapiraca; o homem de 63 anos, residia em Viçosa, não tinha comorbidades e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 65 anos, era de Craíbas, tinha hipertensão, diabetes e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 66 anos, era de Penedo, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Chama, em Arapiraca; o homem de 86 anos, morava também em Penedo, tinha doença cardiovascular crônica e morreu na Santa Casa, em Penedo; a mulher de 46 anos, morava em Arapiraca, tinha doença respiratória crônica e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; a mulher de 62 anos, morava em Porto de Pedras, tinha sequelas de um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e morreu no Hospital Chama, em Arapiraca; e a mulher de 70 anos, morava em Penedo, tinha doença respiratória crônica e morreu na Santa Casa, em Penedo.Em relação às vítimas que residiam no interior do Estado, eram duas mulheres de 67 e 72 anos e dois homens de 47 e 72 anos.

Dos 1.421 leitos criados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) para atender, exclusivamente, pacientes com suspeita e confirmação de infecção pelo novo coronavírus, 804 estavam ocupados até às 16 horas da sexta-feira (21/05), o que corresponde a 57% do total. Atualmente, 310 pacientes estão em leitos de UTI, 14 ocupando leitos intermediários e 472 em leitos de enfermaria. Para acompanhar a evolução da ocupação dos leitos exclusivos para Covid-19, acesse http://www.alagoascontraocoronavirus.al.gov.br/

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente