A Hora da Notícia

Após 22 anos, CSE vence o ASA em Arapiraca; jogo valeu pela Copa Alagoas: 1 a 0

Teste Banner Anuncio Titulo Post

Remir Peixoto – Ascom ASA

Após quase 22 anos de espera, o CSE bateu o ASA, jogando no Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Com o placar de 1 a 0, com gol de Edinho, o Tricolorido venceu o rival e conseguiu se manter firme, na liderança do Grupo B da Copa Alagoas. O jogo foi válido pela 7ª e última rodada da fase de grupos da competição.

O duelo abriu a última rodada e, como os dois já estavam classificados, não mudou em nada na tabela, por enquanto. O CSE lidera o grupo B, com 16 pontos, já o Alvinegro segue com 13, na ponta do grupo A, mas pode ser ultrapassado ao fim da rodada.

Primeiro Tempo

O Clássico do Interior com algumas surpresas, principalmente com os treinadores escalando o que têm de melhor. Apesar disso, o CSE teve a primeira chance da partida, logo aos 12 minutos do primeiro tempo. Após uma saída muito mal feita, Lima roubou a bola e tentou duas vezes até finalizar por cima do gol de Deola.

O jogo foi prosseguindo bem amarrado, mas quem conseguiu desatar esse nó foi o CSE, mais corajoso em campo. O ASA novamente saiu totalmente errado, e foi um prato cheio para o Tricolorido, que roubou a bola no lado direito. Lima ficou com a posse e tocou para Edinho, completamente livre, estufar as redes aos 19 minutos.

Com o Gigante nervoso em campo, os contra-ataques foram completamente fáceis. Renato teve uma chance, de longe, aos 33, mas a redonda foi longe.

No final da etapa inicial, finalmente o Alvinegro acordou e cresceu, especialmente aproveitando a bola aérea. Assis e Feijão foram os que mais tentaram, mas sem sucesso. Viçosa finalizou bem aos 40, mas não achou o gol. Melhor em campo na primeira etapa, Lima ainda tentou ampliar aos 42, também sem sucesso.

Segundo tempo

A etapa final foi mais truncada, com somente três chances de gols claras: duas do CSE e uma do ASA. Da mesma forma como iniciou a etapa inicial, o Tricolorido começou jogando no campo de defesa do adversário, que esteve apático, sem criatividade para penetrar no sistema defensivo do time de Palmeira dos Índios.

Aos oito minutos, Marco Antônio mandou pancada de longe, mas direto nas mãos de Deola. Depois, tentou novamente, aos 26’, mas sem sucesso, após passe de Amaral.

Para se ter uma ideia da previsibilidade no jogo, apenas aos 38 minutos o ASA conseguiu chegar com perigo. Amaral fez o cruzamento da esquerda e Junior Viçosa cabeceou por cima da meta de Renato.

Ainda, ao todo ocorreram seis substituições que retardaram a partida. Fim de papo em Arapiraca com grande vitória do Tricolorido, que não vencia o ASA em Arapiraca há 22 anos.

Calendário

As emoções do clássico não vão parar por hoje, isso porque no próximo sábado (5) tem mais um Clássico do Interior, dessa vez pelo Alagoano. Tricolorido e Alvinegro se encaram no Juca Sampaio, às 17 horas, pela 5ª rodada.

Ficha técnica

ASA – Deola; Michel Tiago, Cristian Lucca, Éverton e Assis; Jorginho (Gustavo), Fidélis e Anderson Feijão; Xande, Marcinho (Wendel) e Júnior Viçosa. Técnico: Renatinho Potiguar

CSE – Gustavo; Renato, Penna, Salazar e Jeanderson; Amaral, Quiroba e Marcos Antônio; Edinho (Ronaldo), Lima (Tesouro) e Tiago Recife. Técnico: Alyson Dantas.

fonte: gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente