A Hora da Notícia

Bolsonaro volta atacar sistema eleitoral e diz que urna eletrônica não é de confiança

Teste Banner Anuncio Titulo Post

Sem crescer nas pesquisas de intenção de voto, Bolsonaro volta a atacar as urnas eletrônicas

Preocupado com as pesquisas eleitorais, considerando que todas elas divulgadas até então, colocam o ex-presidente Lula como o favorito do eleitorado,  o presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a questionar a confiança no sistema eletrônico de votação.

Em entrevista concedida neste sábado, 12,  a Anthony Garotinho, na Rádio Tupi, o mandatário afirmou que a urna eletrônica” não é de confiança de todos nós”.

Durante a conversa, Bolsonaro questionava a seriedade das pesquisas de intenção de voto, que mostram o ex-presidente Lula (PT) à frente na corrida presidencial. Para ele as pesquisas são mentirosas.

“A gente vê com preocupação, porque… Não quero entrar em detalhes, nós temos um sistema eleitoral que não é de confiança de todos nós ainda”, disse.

“A máquina, tudo bem, a máquina não mente. Mas quem opera a máquina é um ser humano. Então, existem ainda muitas dúvidas no tocante a isso e a gente espera que nos próximos dias a gente tire essa dúvida”, prosseguiu.

Fim da trégua

Desde que a proposta de emenda à Constituição (PEC) do voto impresso foi enterrada pela Câmara dos Deputados, Bolsonaro baixou o tom nas críticas e nos questionamentos ao sistema de votação do país. No entanto, em algumas ocasiões, ele volta a levantar suspeitas de fraudes. Em mudança de discurso, Bolsonaro tem dito que passou a acreditar na urna eletrônica depois de saber que as Forças Armadas acompanharão o pleito em 2022.   fonte: eassim.com.br

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente