A Hora da Notícia

Braskem?retoma operação?segura?na?unidade de?Cloro-Soda?em Maceió,?com sal?de fora de AL

Investimento em logística e adequação tecnológica garantem operação nos melhores padrões de segurança, saúde e meio ambiente
Cópia de sua marca aqui (2)
BANNER-ANUNCIO-AHORADANOTICIA-JAND (2)

Investimento em logística e adequação tecnológica garantem operação nos melhores padrões de segurança, saúde e meio ambiente

ABraskem iniciou a produção de cloro-soda e dicloretano em sua unidade de Maceió (AL), que estava paralisada desde maio de 2019. Assim a companhia volta a produzir PVC e soda cáustica de forma integrada no Estado. Para o retorno da planta, a Braskem concluiu o projeto para a produção de salmoura como matéria-prima a partir da aquisição de sal importado.

De acordo com a empresa, a retomada das atividades vai permitir continuar contribuindo com a economia local, incluindo?a?preservação de?mais de 2,5 mil?postos de trabalho qualificados. A produção integrada PVC e soda cáustica ajuda a movimentar a?cadeia produtiva?da química e do plástico,?que abrange?cerca de?40?outras indústrias?de setores importantes, como hospitalar e de construção civil,?e gera aproximadamente 12?mil empregos, entre Maceió e Marechal Deodoro.

O novo processo operacional será realizado?com sal?seco?importado, já que a Braskem paralisou definitivamente, desde maio de 2019, a extração de sal em Maceió.

A?Braskem investiu R$ 60 milhões em?adequações?tecnológicas?e de infraestrutura?na planta industrial e?na?logística rodoviária?e portuária?para integrar o processo de transporte de sal,?seguindo?as melhores práticas?em saúde,?segurança?e meio ambiente.?O sal chega pelo Porto de Maceió, onde é armazenado, e em seguida é transportado até a unidade industrial por meio de carretas, que circulam em horário comercial.?O sal é, então, dissolvido em tanques, para produção da matéria-prima salmoura.?O antigo?salmouroduto, que recentemente passou por manutenção, passa a servir para o transporte de água.

Em paralelo, a?empresa?segue dedicada no apoio prioritário à realocação de moradores e compensação financeira dos moradores afetados pelo evento geológico de 2018 em Maceió, conforme acordos?firmados?com autoridades.

A empresa reafirma seu compromisso com o Estado e com uma atuação empresarial responsável e reitera sua prioridade com a segurança e o bem-estar das pessoas.?Toda a?equipe?utiliza?os equipamentos de proteção necessários, adotando todas as medidas de saúde recomendadas pelas autoridades sanitárias para prevenção ao coronavírus.?As instalações industriais foram adaptadas, com intensificação na higienização e sanitização dos ambientes,?ar condicionado?com adaptações validadas por infectologistas, estações de trabalho e transporte demarcados para uso com distanciamento social adequado, além de entrega de kit individual com máscaras

Fonte : Tribuna Hoje

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente