A Hora da Notícia

Collor celebra investimentos no Auxílio Brasil e diz que governo Bolsonaro vai superar dificuldades

Teste Banner Anuncio Titulo Post

Célio Junior

Em discurso nesta terça-feira (28), durante entrega de moradias populares na cidade de Teotônio Vilela, o senador Collor (PROS) destacou os investimentos sociais feitos pelo governo Bolsonaro, entre eles o novo Auxílio Brasil, que substituiu o Bolsa-Família e vai pagar o dobro do que pagava o Bolsa-Família. https://www.youtube.com/embed/E8ddLh0zvoM

Collor destacou que, quando veio a pandemia, o presidente Bolsonaro se esforçou em destinar recursos aos mais pobres, e citou como exemplo o pagamento do Auxílio Emergencial. Ele pontuou que a prova de que esta preocupação é permanente se dá com a criação do Auxílio Brasil, que será permanente. 

O senador Collor comentou que, neste momento, em que o governo completa mil dias, o presidente Bolsonaro tem o que mostrar e a população tem o que comemorar. Collor destacou a determinação do presidente em solucionar problemas e enfrentar os poderosos para defender os interesses da população brasileira.

Além disso, o senador ponderou que Bolsonaro se deparou com situações que não se viam há 100 anos. “Vossa excelência não imaginava que ia encontrar tantas dificuldades, entre elas a pandemia e uma seca como há 91 anos não se tinha notícias no Brasil. Tudo isso em um momento de recuperação econômica, quando o Brasil já dava sinais de retomada após as ações tomadas”.

Segundo Collor, em relação à pandemia, o Brasil é hoje, “a despeito das mentiras propaladas ao léu”, o segundo país que mais vacinou o seu povo e a sua gente. “Tudo isso diz muito bem do nosso país”, avaliou.

O senador alagoano também ponderou que as dificuldades enfrentadas pelo governo brasileiro não são exclusivas do Brasil, e sim situações que afligem outros países, inclusive do G20, que reúne as principais economias do mundo. Como exemplo, Collor citou que a Espanha enfrenta problemas em relação ao fornecimento de energia elétrica e que a Inglaterra sofre com escassez de combustível.

“Muitos querem construir a narrativa de que a culpa é do presidente porque não choveu. Temos que raciocinar é na maneira que vem enfrentando os problemas, que é com coragem, destemor em enfrentar tudo”, pontuou Collor sobre Bolsonaro.

MORADIAS POPULARES

Collor participou, ao lado do presidente Bolsonaro, da entrega de 400 moradias para a população de baixa renda na cidade de Teotônio Vilela, no Agreste de Alagoas. A agenda em Alagoas faz parte da comemoração dos 1.000 dias de governo Bolsonaro. O investimento realizado para a construção dos módulos I e II, que contam com 400 unidades, foi de R$ 13,6 milhões. As outras 200 casas (módulos III e IV) estão previstas para serem entregues na segunda quinzena de outubro. A CAIXA é o agente operador.

O empreendimento integra o Programa Casa Verde e Amarela e conta com uma infraestrutura, com água, esgoto, energia elétrica, pavimentação, iluminação pública e drenagem.

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente