A Hora da Notícia

Comissão da OAB diz que Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
PRESTAÇÃO DE CONTAS

Pronunciamento de Jair Bolsonaro foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Comissão de Juristas para Análise e Sugestões de Medidas de Enfrentamento da Pandemia do Coronavírus, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), entende que o presidente a República, Jair Bolsonaro (sem partido), cometeu crime de responsabilidade e contra a humanidade.

De acordo com o parecer da comissão, as condutas de Bolsonaro frente à pandemia são suficientes para que seja aberto um processo de impeachment e também para que ele sofra denúncia por crime contra a humanidade perante o Tribunal Penal Internacional.

O parecer conclui que Bolsonaro agiu deliberadamente para propagar o vírus da Covid-19 e que deve ser responsabilizado pelas mortes na pandemia, considerando-as prática de homicídio.

“Um dos exemplos mais eloquentes da omissão do presidente da República encontra-se no caso da vacina da Pfizer. De fato, em impactante entrevista concedida à revista Veja, em outubro do ano passado, Carlos Murillo, CEO da Pfizer 4 Brasil, revelou o absoluto desinteresse do governo federal na aquisição do imunizante”, diz trecho.

O relatório foi encaminhado para o Conselho Federal da OAB, para que os representantes das seccionais estaduais da Ordem decidam se será apresentado um pedido de impeachment contra Bolsonaro.

Veja quem assina o documento:

Ex-ministro Carlos Ayres Britto
Miguel Reale Jr.
Carlos Roberto Siqueira Castro
Cléa Carpi
Nabor Bulhões
Antonio Carlos de Almeida Castro
Geraldo Prado
Marta Saad
José Carlos Porciúncula
Alexandre Freire

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente