A Hora da Notícia

CSA recebe o Guarani nesta terça buscando a primeira vitória na Série B

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
prefeitura junho

Ailton Cruz

Com um início muito ruim nesta Série B, o CSA volta a campo nesta terça (15) para buscar sua primeira vitória na competição, contra o Guarani, no Rei Pelé, às 19h. Após duas derrotas e um empate, o Azulão quer fazer valer o fator casa para conquistar os três pontos.

Depois da temporada passada, imaginava-se que o CSA seria um dos favoritos para conquistar o acesso neste ano. Em uma Série B recheada de grandes clubes, o time azulino começou bem a temporada e foi coroado com o título do Alagoano, mas na Segundona ainda não conseguiu deslanchar. Em três partidas, ainda não fez nenhum gol. São duas derrotas e um empate, ficando na 18ª colocação, com um ponto apenas.

Já o Guarani quer se aproximar do pelotão da frente. Na última rodada, foi derrotado em casa pelo Náutico, por 3 a 1, e não conseguiu chegar ao G-4. A única vitória do Bugre na competição foi jogando longe do Brinco de Ouro da Princesa, o 5 a 2 sobre o Operário, em Ponta Grossa-PR. Ocupa, atualmente, a 8ª posição na tabela, com quatro pontos, ficando três atrás do CRB, primeiro time no grupo de acesso.

CSA

Sem muito tempo para treinar, Pivetti tem um problema muito grave para resolver. O CSA tem o pior ataque da Série B, sem um gol sequer marcado, em três jogos. Chances não faltaram. Foram 14 finalizações contra o Vila Nova, 15 contra o Sampaio Corrêa e somente cinco contra o Náutico.

Dellatorre, destaque da equipe no início do ano, quer voltar a balançar as redes pelo CSA – Foto: Augusto Oliveira/CSA

Com a pontaria descalibrada, Pivetti afirmou que focará na tomada de decisões na preparação para enfrentar o Bugre. “Nós vamos focar muito o preparo na tomada de decisão dos jogadores, para que a gente possa qualificar a finalização e reverter isso nos gols que tanto necessitamos neste campeonato”, revelou.

Bruno Mota, destaque da equipe no Estadual e eleito Craque do Alagoano, segue de fora por uma lesão nas costas, sofrida na final contra o CRB. O zagueiro Fabrício já treina com bola com o grupo e ainda recupera seu condicionamento físico e também fica de fora da relação. O goleiro Thiago Rodrigues foi desfalque na última rodada, por um quadro viral, testou negativo para Covid, e é dúvida para enfrentar o Guarani.

Bruno Pivetti deverá manter a base que atuou nas últimas duas partidas, quando teve bom volume ofensivo, mas não conseguiu balançar as redes. Recuperado, Dellatorre continuará no ataque, com Iury permanecendo no banco.

O provável time do CSA é: Darley (Thiago Rodrigues), Norberto, Lucão, Matheus Felipe, Kevyn; Geovane, Nadson, Gabriel; Silvinho, Marco Túlio e Dellatorre.

GUARANI

O jogo desta terça (15) será marcado pelo contraste entre as duas equipes. Enquanto o CSA tem o pior ataque da competição, o Guarani tem o segundo melhor ataque, com sete gols marcados em três jogos. Número alavancado pela goleada por 5 a 2 contra o Operário, na segunda rodada.

O treinador Daniel Paulista terá dores de cabeça para montar a equipe que começará jogando em Maceió. São quatro desfalques: o meia Andrigo, que ainda se recupera de uma lesão no pé, o goleiro Rafael Martins, que segue fora por conta de uma fratura nos ossos da face, e o zagueiro Thales e o atacante Júlio César, ambos suspensos.

Daniel Paulista terá dores de cabeça para montar o time que enfrentará o CSA – Foto: Marcos Ortiz/ Guarani FC

Na defesa, Paulista pode promover estreias de jovens da base. Titi e Bruno Bianconi são os favoritos para a vaga. Outra opção é recuar o volante Bruno Silva e escalar Índio ou Pedro Acorsi no meio de campo. Na frente, Lucão deve ganhar a vaga no ataque, com Davó sendo realocado na esquerda.

O provável time do Bugre é: Gabriel Mesquita, Pablo (Diogo Mateus), Bruno Silva (Titi), Carlão e Bidu; Índio (Bruno Silva) e Rodrigo Andrade; Bruno Sávio, Régis e Davó (Renanzinho); Lucão do Break (Davó).

ARBITRAGEM

O trio de arbitragem é da Federação Catarinense de Futebol. Luiz Augusto Silveira Tisne (CBF) será o árbitro principal da partida. Kleber Lucio Gil (FIFA) e Thiaggo Americano Labes (CBF) serão os auxiliares. O alagoano Jose Ricardo Vasconcellos Laranjeira (CBF) será o quarto árbitro.

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente