A Hora da Notícia

Em Maceió, Bolsonaro destaca queda na conta de luz e aumento do valor do Auxílio Emergencial

Teste Banner Anuncio Titulo Post

Fotos: Portal TNH1

Discursando para uma plateia lotada no bairro do Vergel do Lago, onde entregou três residenciais nesta terça-feira, 28, o presidente Jair Bolsonaro (PL) fez um balanço de seus quatro anos de gestão. Um dos pontos altos do discurso foi a cobrança de ICMS nos combustíveis e conta de luz. Nessa segunda, 27, o presidente sancionou o projeto de lei que prevê redução na conta de luz com a devolução de créditos tributários de PIS/Cofins cobrados dos consumidores de forma indevida. Bolsonaro pediu para a plateia calcular: “Veja no mês que vem o quanto vai cair este valor na conta de luz de vocês”. Assista ao discurso na íntegra, no final da matéria. 

AUXILIO BRASIL – O presidente ressaltou o investimento no Auxílio Brasil, anunciando um reajuste para R$ 600,00.

“Estamos buscando atender o nosso povo, os mais humildes. Gastamos em 2020 o equivalente a 15 anos de Bolsa Família. No final do ano passado, aprovamos o Auxílio Brasil, que substituiu o Bolsa Família. Antes era pago em média R$ 190 e hoje pagamos o Auxílio Brasil, em R$ 400. E vamos passá-lo para R$ 600. Outras medidas estão sendo tomadas. As mulheres, em certas condições, ganharão R$ 1.200 por mês”, disse Bolsonaro, para uma plateia entusiasmada.

CONCLUSÃO DE OBRAS –  Bolsonaro destacou ainda que, ao assumir o governo, foi em busca de retomar obras paradas, entre elas o Canal do Sertão, uma das maiores obras hídricas da história recente do país. “O governo tem um olhar especial para os mais humildes, num período difícil que o mundo todo passa. A pandemia atrapalhou muito, mas fizemos nossa parte em Brasília. Pegamos, em 2019, milhares de obras inacabadas, paradas há 10, 20 ou 30 anos. Nos empenhamos e concluímos as mesmas”.

PIX – Segundo os cálculos do presidente, o PIX – meio de pagamento eletrônico gratuito oferecido pelo Banco Central do Brasil – a população teria deixado de gastar com esse tipo de operação cerca de R$ 30 bilhões. “O governo também criou o Pix. Vocês não pagam nada por isso. Os grandes bancos vão deixar de arrecadar do corrente ano de vocês aproximadamente R$ 30 bilhões, porque não existe tarifa no Pix”, disse. 

HABITAÇÃO – Projeto contou com emenda de Benedito de Lira 

Entre os discursos na manhã desta terça-feira, o ex-senador Benedito de Lira (Progressistas) e atual prefeito de Barra de São Miguel, que relembrou a iniciativa do residencial e celebrou a entrega das novas moradias, com o apoio do presidente Bolsonaro. “Em dezembro de 2018, eu trouxe o então ministro para assinar a construção desse conjunto, cuja metade dele está sendo entregue hoje. Eu não tinha uma casa para morar, fui político e trouxe para a cidade e para o estado mais de 100 mil casas. Dos 102 municípios de Alagoas, mais de 80 têm casa que eu trouxe”.

O presidente da Câmara, Athur Lira, também destacou a atuação do ex-senador Benedito de Lira, e sua atuação direta para a assinatura dos contratos para que o conjunto habitacional fosse construído.

“Na sua vida sempre teve o lema, dar uma casa a quem não tem teto. Trabalhar por moradias no estado de Alagoas. Ele fez muito e continuamos fazendo. Só fazemos porque temos um governo sensível, quando em 2018 essas casas tiveram contratos assinados. Em 2019, não tínhamos orçamento e chamamos o diretor de habitação do Ministério, trouxemos ele para entrar 50 metros dentro das casas, para ver as condições que as pessoas viviam. Foi o suficiente para ele voltar e dizer ao presidente Bolsonaro que se tem um conjunto habitacional que merece ser feito é o Parque das Lagoas, porque vai tirar o povo da lama, da miséria, de viver junto com os porcos, das crianças desnutridas, abandonadas e entregues ao tráfico”, afirmou.

O presidente da Câmara reforçou o discurso do presidente e confirmou o trabalho do Governo Federal para baixar os preços do combustível e da conta de energia para a população. O Congresso Nacional aprovou a redução de imposto que deve afetar diretamente no valor dos vencimentos de luz já a partir do próximo mês.

“A nossa luta no Congresso Nacional é para baixar o preço da energia, porque eu sei a agonia que ele [o presidente] passa no gabinete dele. Toda vez que a Petrobras vai anunciar um aumento, eu vejo ele no gabinete, está angustiado, amargurado. E todo nosso esforço para baixar o ICMS de todos os governadores, para baixar o preço da gasolina, da energia, dos combustíveis e dos transportes”, disse.

Famílias comemoram a nova moradia – O ministro do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira, confirmou, também durante a celebração da entrega das chaves, que cerca de 8 mil pessoas serão beneficiadas em Maceió com as novas moradias. De 2019 a 2022, o Governo Federal entregou mais 1,3 milhão de residências a famílias, beneficiando 3,8 milhões de pessoas. Em Alagoas, foram 65 mil contemplados, com mais 16 mil residências durante o período.

Para a proprietária de um apartamento no Alameda Jatiúca, Ilza Santos Batista, o dia foi especial por receber a chave do imóvel. “Agradeço a todos, sou muito grata por receber a chave do meu apartamento. Era um sonho de vida. Estou muito feliz”, disse.

Helena Maria de Fátima Marques, a nova dona de um apartamento no Alameda Farol, também agradeceu aos governantes. “Agradeço primeiramente a Deus e aos governantes. Estou muito feliz, estou maravilhada. Espero que todos estejam felizes”, afirmou.

fonte: tnh1

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente