A Hora da Notícia

Hemoal Maceió promove Campanha ‘Mãe é Pura Doação’ a partir desta quarta (5)

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
PRESTAÇÃO DE CONTAS

Carla Cleto

A Unidade Maceió do Hemocentro de Alagoas (Hemoal), situada no bairro Trapiche da Barra, vai promover a Campanha “Mãe é Pura Doação” a partir desta quarta-feira (5). Até o sábado (08), véspera do Dia das Mães, todas as mulheres que doarem sangue irão concorrer a uma série de brindes doados por parceiros.

Além de homenagear as mães doadoras de sangue, a ação tem o propósito de incentivar a doação de sangue feminina, permitida dos 16 aos 69 anos de idade. A exceção é apenas para as mulheres grávidas ou que estejam amamentando, conforme portaria expedida pelo Ministério da Saúde (MS).

Para doar sangue, as mulheres devem ter, no mínimo, 50 quilos e, ao se deslocar até o Hemoal Maceió, devem estar de máscara e portando um documento de identificação oficial e original com foto. Caso ainda sejam menores de idade, devem estar acompanhadas dos pais e portando um documento de identificação oficial e original dos responsáveis.

“A Campanha Mãe é Pura Doação irá estimular as mulheres a doarem sangue e, ao mesmo tempo, homenagear as mães que são doadoras. Por isso, conclamamos todas as mulheres acima dos 16 anos para comparecerem ao Hemoal Maceió, até às 17 horas do próximo sábado e praticarem este gesto solidário, onde também estarão concorrendo a diversos brindes”, ressaltou Rayara Andrade, assistente social do Hemoal.

Dentre os brindes que serão sorteados durante a Campanha, estão kits de maquiagem, perfumes, pulseiras, colares, roupas, um jogo americano e um book fotográfico com 50 fotos. As mulheres também irão concorrer a sessões de limpeza de pele, maquiagem, de penteados e design de sobrancelhas.O Hemoal Maceió está situado na Rua Dr. Jorge de Lima, no bairro Trapiche, ao lado do Hospital Geral do Estado (HGE). O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h, e, aos sábados, das 8h às 17h. Para maiores informações, basta ligar para o telefone 3315 2109.

Exceções

Além de não poderem doar sangue se estiverem grávidas ou amamentando, as mulheres ficam proibidas de praticar o gesto solidário se tiverem contraído hepatite após os 11 anos de idade, além de sífilis, Aids e doença de Chagas. E, caso sejam doadoras regulares, só podem realizar nova doação após um intervalo de três meses.

Rayara destaca, ainda, as indicações relacionadas à Covid-19. “Se, por acaso, estejam infectadas pelo novo coronavírus, devem esperar 30 dias, contados após a recuperação, para realizarem a doação. Mas, se tiveram apenas contato com pessoas infectadas com o vírus da Covid-19, devem aguardar 14 dias e, caso não apresentem sintomas da doença, podem doar sangue”, orienta.

Fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente