A Hora da Notícia

Maceioenses fazem filas nos postos após aumento no valor dos combustíveis

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
prefeitura junho

Raphael Alves/ Gazetaweb

A Petrobras ainda nem aumentou o valor dos combustíveis – gasolina e diesel – nas refinarias, o que deve ocorrer nesta sexta-feira (11), e postos de combustíveis em Maceió já realizaram o reajuste nesta quinta-feira (10) no valor desses produtos. Com isso, motoristas começaram a fazer filas para abastecer o carro, temendo que haja um novo aumento nos próximos dias.   https://www.youtube.com/embed/Q6veEjEOq7I?ecver=1&iv_load_policy=3&rel=0&showinfo=0&yt%3Astretch=16%3A9&autohide=1&color=red&width=560&%3Bwidth=560

Uma das situações foi registrada em um posto de combustível no bairro da Mangabeiras. Nesse estabelecimento comercial, a gasolina está a R$ 6,47 e a gasolina comum está a R$ 6,27. Em outros postos, o valor ultrapassou os R$ 7. Em outro posto de combustíveis no Farol, o valor do litro está a R$ 6,74. https://d07a8c2ad215de6bd1ada1e3d811d7eb.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Aumento no valor dos combustíveis provoca fila em postos – Foto: Rayssa Cavalcante

Já o diesel deve subir em torno de R$ 1, pressionando o setor de transportes de cargas e de passageiros. O preço do gás de cozinha também seguirá na mesma direção.

Proprietário de dois postos em Maceió, Jarlam Marques informou que a medida tomada pela Petrobras era aguardada com muita ansiedade pelos empresários. Estava praticamente insustentável, segundo ele, manter a tabela atual diante da conjuntura internacional, de aumento dos barris de petróleo, provocada pela guerra entre Rússia e Ucrânia.

“Se a empresa não autorizasse o reajuste iria faltar combustível nos próximos dias. Na verdade, já estava faltando nas distribuidoras desde a semana passada. Os pedidos não estavam sendo entregues na totalidade, tendo em vista que as distribuidoras não conseguiam importar”, revela. Ele acrescenta que, com a liberação do aumento, a tendência é que o mercado se acalme e, em no máximo, duas semanas, a oferta seja regularizada no País.

Marques confirmou que, a partir das 5h desta sexta-feira (11), o valor do litro da gasolina e do diesel será repassado ao consumidor em mais postos. O preço da gasolina deve ficar, para aqueles que ainda não reajustaram, entre R$ 7,30 e R$ 7,40 nas bombas. Atualmente, o valor médio deste tipo de combustível, em Alagoas, está em R$ 6,49.       fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente