A Hora da Notícia

MP pede que TCU substitua Bolsonaro por Mourão na gestão da pandemia

Se a decisão for acatada pela Corte, o presidente perderia o poder de nomear o ministro da Saúde, da Economia e da Casa Civil
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
PRESTAÇÃO DE CONTAS

TCU foto: Agência Brasília

O subprocurador-geral do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União (TCU), Lucas Furtado, pediu nesta sexta-feira (19) que a Corte afaste o presidente Jair Bolsonaro da gestão da pandemia de covid-19. No documento, Furtado solicita que o TCU reconheça a autoridade do vice-presidente, Hamilton Mourão, para comandar administrativamente o Ministério da Saúde, da Economia e a Casa Civil.

O processo deve ser enviado a um relator, que pode decidir sozinho, monocraticamente, ou enviar o tema para deliberação do plenário. Lucas argumenta que a má gestão da pandemia vai gerar prejuízos aos cofres públicos. “Determinar cautelarmente o afastamento do presidente da República das funções e competências administrativas e hierárquicas relacionadas ao comando dos Ministérios da Saúde, da Fazenda, da Casa Civil e de outros eventualmente identificados como responsáveis pela inércia e omissão na execução das políticas públicas de saúde no combate à pandemia da Covid-19”, diz um trecho do pedido.

Prejuízo ao Erário
Lucas Furtado afirma que disputas políticas estão gerando problemas no atendimento da população e mortes durante a pandemia. “Não se discute que toda estrutura federal de atendimento à saúde, com recursos financeiros, patrimoniais e humanos, terá representado inquestionável prejuízo ao Erário se não cumprirem sua função de atender à população no momento de maior e mais flagrante necessidade. É inaceitável que toda essa estrutura se mantenha, em razão de disputas e caprichos políticos, inerte diante do padecimento da população em consequência de fatores previsíveis e evitáveis”, completa o texto.

Não existe data para que a decisão seja tomada.

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente