A Hora da Notícia

Palmeiras leva final para a prorrogação, mas perde para o Chelsea na decisão do Mundial

Teste Banner Anuncio Titulo Post

Giuseppe Cacace/AFP

O Palmeiras competiu do início ao fim, mas não ficou com o título do Mundial de Clubes. Neste sábado, o time comandado por Abel Ferreira foi derrotado por 2 a 1 pelo Chelsea, no Estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Os ingleses abriram o placar com Lukaku, e o Palestra empatou com Raphael Veiga, de pênalti. Na prorrogação, Havertz fez mais um para os Blues, também de pênalti.

É a segunda vez que o Palmeiras é derrotado na final do Mundial de Clubes da Fifa. Em 1999, o Verdão foi derrotado pelo Manchester United, no Japão, por 1 a 0.

Apesar da superioridade técnica, o Chelsea não teve um amplo domínio no primeiro tempo. O time teve mais posse de bola, mas encarou uma linha defensiva muito bem montada por Abel. A chance mais clara da etapa inicial foi do Palmeiras, com Dudu entrando pela esquerda e finalizando para fora.

Na primeira chance do segundo tempo, o Chelsea ficou na frente do placar. Lukaku testou firme após cruzamento da esquerda, superando Luan pelo alto. Na sequência, o Palmeiras teve pênalti a seu favor, após Thiago Silva tocar com a mão na bola dentro da área. Veiga descolou Mendy na cobrança e converteu, deixando tudo igual.

O gol do título saiu aos 11 minutos do segundo tempo da prorrogação. Luan cometeu pênalti ao bloquear chute com o braço, e Havertz cobrou bem para dar a vitória ao Chelsea.

A delegação do Palestra embarcará de volta do Brasil ainda neste sábado. O voo, que é fretado e não terá escalas, tem previsão de saída de Abu Dhabi às 22h (horário de Brasília).  

    fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente