A Hora da Notícia

Prefeitura vai se reunir com ministério para definir auxílio

Cópia de sua marca aqui (2)
BANNER-ANUNCIO-AHORADANOTICIA-JAND (2)

Secom Maceió

O coordenador do Gabinete de Crise da Prefeitura de Maceió, Claydson Mourinha, e o senador Rodrigo Cunha irão se reunir, na próxima segunda-feira (4), com o ministro da Pesca e Aquicultura, André de Paula, para discutir a liberação de um auxílio a pescadores de Maceió.

O encontro acontecerá em Brasília e irá definir critérios e detalhes sobre a medida. O objetivo do Município é reduzir o prejuízo causado aos pescadores da Lagoa Mundaú que foram impedidos de realizar as atividades por questão de segurança.

Na oportunidade, o coordenador e o senador irão propor o pagamento do seguro-defeso pelo período que durar a restrição. A área de pesca foi reduzida por conta do risco de colapso da mina 18 da Braskem, localizada no bairro Mutange, e que está parcialmente dentro da lagoa.

Uma reunião prévia já foi realizada nessa sexta-feira (1º) entre o Gabinete e a Superintendência Federal da Pesca e Aquicultura em Alagoas. O Município solicitou a relação dos pescadores credenciados para garantir o apoio de todos os afetados.

“O prefeito JHC determinou que sejam tomadas as medidas que forem necessárias para garantir que os trabalhadores da pesca não sejam mais prejudicados. O Município irá sim garantir auxílio aos pescadores com o apoio do governo federal”, destacou Mourinha.

Além disso, de forma emergencial, a Prefeitura inicia, neste sábado (2), a entrega de cestas básicas aos pescadores e marisqueiras cadastrados na Colônia Z4, que são os afetados pela restrição de pesca. A ação é coordenada pelo Gabinete de Crise, a Secretaria Municipal de Pesca e Aquicultura e a Secretaria de Segurança Cidadã.

*Com assessoria

fonte: gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente