A Hora da Notícia

Projeto visando a inserção da mulher no mercado de trabalho está sendo discutido em Maceió

Gif-728x90-Master
BANNER-ANUNCIO-AHORADANOTICIA-JAND (2)

foto: Edvan Ferreira/SECOM Reunião

A Prefeitura de Maceió, em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-AL), darão início ao projeto “Tem Saída”, que consiste em introduzir pautas relevantes ao público feminino, neste caso, a inserção da mulher no mercado de trabalho. A reunião que contou com a participação do prefeito JHC e representantes da OAB-AL ocorreu nesta quinta-feira (25).

O projeto foi baseado e originado de outro que foi implementado com sucesso em São Paulo e permitiu que muitas mulheres saíssem do ciclo da violência doméstica. O “Tem Saída” será introduzido na capital buscando inserir o público feminino no mercado de trabalho, fazendo alianças com empresas que deverão direcionar 5% de suas vagas exclusivamente para mulheres em situação de vulnerabilidade, por violência doméstica ou familiar.

“O programa é o elo que a gente precisa para que essas mulheres andem com suas próprias pernas, fechem o ciclo da violência doméstica, protejam seu destino e tenham a sua independência financeira. É um ganho para toda a comunidade”, explica o prefeito JHC. “Não vamos medir esforços e daremos prioridade a projetos como esse, inovadores e de vanguarda. O que pudermos fazer para ser exemplo para todo o Brasil, vamos fazer”, completou.

Diante do conteúdo explanado na reunião, o prefeito, visando tornar o projeto finalmente efetivo, lançará, de forma pioneira, mecanismos que garantam que as empresas parceiras da Prefeitura destinem 5% das suas vagas às mulheres cadastradas no Tem Saída. Essas pessoas jurídicas poderão ganhar Selo Mulher Maceioense Livre, que também será introduzido a partir do próximo mês.

Para Ana Paula Mendes, coordenadora do Gabinete de Políticas Públicas para a Mulher, primeiro órgão com status de secretaria do município de Maceió criado para focar em medidas que beneficiem as mulheres, o projeto será uma política pública. “O prefeito tem uma sensibilidade muito grande para a pauta feminina. Nosso maior objetivo é libertar a mulher por meio da independência econômica e financeira”.https://d4af561a870170fdec928d10117a98f1.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

Nivaldo Barbosa, presidente da OAB-AL, ratifica que “a Ordem sempre está próxima das pautas que procuram equilibrar e trazer o mínimo de igualdade para o consumidor”. O órgão explicou, ainda, que foi idealizado um selo de empresa parceira que, após 12 meses, será entregue pela OAB às instituições que apoiarem o projeto.

No encontro, também foram discutidas outras pautas do interesse da sociedade e da advocacia, como o aprimoramentos da Guarda Municipal, a questão dos moradores em situação de rua e a capacitação de servidores através de parceria com a Escola Superior de Advocacia Nacional (ESA), órgão do Conselho Federal da OAB.

Fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente