A Hora da Notícia

Quinze pessoas de Alagoas foram imunizadas com doses vencidas da Astrazeneca, aponta site nacional

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
prefeitura junho

Vacina de Oxford tem 79% de eficácia contra casos sintomáticos de Covid-19 foto: Notícias ao Minuto

Pelo menos 15 pessoas de Alagoas podem ter sido imunizadas com doses de lotes da vacina de Oxford/AstraZeneca com data de validade vencida. A informação foi divulgada pelo site Metrópoles, no último sábado (24).

De acordo com a pesquisa feita pelo portal, as doses foram aplicadas nos municípios de Arapiraca (em 7 pessoas), Delmiro Gouveia (2), Flexeiras (1), Maceió (2), Paripueira (2) e Viçosa (1).

Os dados, segundo o Metrópoles, foram coletados diretamente com o Ministério da Saúde e revelam que até 160 cidades, em 23 estados, aplicaram vacinas vencidas contra a Covid-19 na população. Os números apontam que 1.254 pessoas de todo o Brasil teriam sido inoculadas com os imunizantes, cuja data de expiração já tinha passado.

Para chegar a informação, o (M)Dados, núcleo de jornalismo de dados do Metrópoles, cruzou as informações oficiais sobre vacinas aplicadas com os registros de envios de imunizantes para as unidades da federação, onde constam a data de vencimento para cada lote.

O problema envolve as doses de três lotes de vacinas produzidas pela AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, fabricadas na Índia e importadas prontas pelo Brasil. Seriam os lotes 4120Z001, 4120Z004 e 4120Z005. São grupos de imunizantes cuja data de validade, de seis meses, já expirou.

Em nota, as prefeituras de Arapiraca, Maceió e Paripueira informaram que vão apurar a informação divulgada em âmbito nacional. Os demais municípios não se pronunciaram oficialmente até agora.

Fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente