A Hora da Notícia

Quinze pessoas de Alagoas foram imunizadas com doses vencidas da Astrazeneca, aponta site nacional

Gif-728x90-Master
BANNER-ANUNCIO-AHORADANOTICIA-JAND (2)

Vacina de Oxford tem 79% de eficácia contra casos sintomáticos de Covid-19 foto: Notícias ao Minuto

Pelo menos 15 pessoas de Alagoas podem ter sido imunizadas com doses de lotes da vacina de Oxford/AstraZeneca com data de validade vencida. A informação foi divulgada pelo site Metrópoles, no último sábado (24).

De acordo com a pesquisa feita pelo portal, as doses foram aplicadas nos municípios de Arapiraca (em 7 pessoas), Delmiro Gouveia (2), Flexeiras (1), Maceió (2), Paripueira (2) e Viçosa (1).

Os dados, segundo o Metrópoles, foram coletados diretamente com o Ministério da Saúde e revelam que até 160 cidades, em 23 estados, aplicaram vacinas vencidas contra a Covid-19 na população. Os números apontam que 1.254 pessoas de todo o Brasil teriam sido inoculadas com os imunizantes, cuja data de expiração já tinha passado.

Para chegar a informação, o (M)Dados, núcleo de jornalismo de dados do Metrópoles, cruzou as informações oficiais sobre vacinas aplicadas com os registros de envios de imunizantes para as unidades da federação, onde constam a data de vencimento para cada lote.

O problema envolve as doses de três lotes de vacinas produzidas pela AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, fabricadas na Índia e importadas prontas pelo Brasil. Seriam os lotes 4120Z001, 4120Z004 e 4120Z005. São grupos de imunizantes cuja data de validade, de seis meses, já expirou.

Em nota, as prefeituras de Arapiraca, Maceió e Paripueira informaram que vão apurar a informação divulgada em âmbito nacional. Os demais municípios não se pronunciaram oficialmente até agora.

Fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Telegram
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente