A Hora da Notícia

Tribunal de Justiça de Alagoas aprova criação de três novas vagas de desembargador

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on whatsapp
PRESTAÇÃO DE CONTAS

FOTO: Caio Loureiro/Ascom TJ

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) aprovou, nessa terça-feira (8), um anteprojeto que prevê a criação de três novas vagas de desembargador na corte alagoana. Com isso, o Tribunal Pleno, que hoje conta com 15 membros, passará a ter 18. No entanto, a criação das novas vagas depende de aprovação na Assembleia Legislativa e da sanção do governador.

De acordo com a assessoria de comunicação do TJ/AL, o anteprojeto aprovado transforma 25 cargos de juiz auxiliar em três cargos de desembargadores. O juiz auxiliar é aquele que ajuda nas varas, mas não são titulares ou substitutos. Com esse remanejamento, o tribunal não teria mudanças no orçamento.

O fato do Tribunal Pleno passar a contar com um número par de integrantes não deve ser um problema, já que o presidente da corte e das das Câmaras possuem voto de minerva. Exemplo disso ocorre quando, em votações, os desembargadores se averbam suspeitos, o número de julgadores fica par e há voto de minerva em caso de empate.

Os novos desembargadores devem compor uma outra câmara cível que será criada no tribunal. Esta será a 4ª Câmara Cível do TJ/AL. A criação se dá em razão do aumento no número de processos.

A origem dos três novos membros da corte não foi divulgada. A escolha deve obedecer a proporção de membros oriundos do próprio tribunal e os advindos do Ministério Público e da advocacia. A escolha passa por votação entre os membros das categorias.

fonte: Gazetaweb

Compartilhe essa informação

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Notícias Relacionadas

Comente